< Voltar

Indique a um amigo 

Produção
A produção de azeite a nível mundial está limitada, por questões edafo - climáticas, a duas zonas do globo que se situam entre os paralelos 30 e 45 dos hemisférios norte e sul. Atualmente, cerca de 95% da superfície oleícola mundial está concentrada na Bacia Mediterrânica, sendo:

União Européia
(Espanha, Itália, França, Grécia e Portugal)
73 %
Tunísia 7,7%
Turquia 4,4 %
Síria 3,8 %
Marrocos 2,5 %
Argélia 1,4 %

Em Portugal, tem-se assistido nos últimos anos a uma certa recuperação da produção, após o acentuado decréscimo verificado sobretudo a partir da década de 60 até finais da década de 80, onde passamos de produções da ordem das 90.000 toneladas (anos 50) para valores médios de cerca de 35.000 toneladas, nos anos 80.

Consumo
Relativamente ao consumo, verifica-se nos últimos 15 anos um crescimento médio, a nível mundial, da ordem dos 2,3%. O consumo de azeite na União Européia representa cerca de 70% do consumo mundial, embora o consumo de azeite em países que tradicionalmente não eram consumidores, como os Estados Unidos da América, tenha sofrido um forte acréscimo nos últimos anos,o consumo quintuplicou em 16 anos, atingindo atualmente cerca de 170.000 toneladas anuais e colocando este país como o quarto maior consumidor a nível mundial. Relativamente ao consumo de azeite em Portugal, verifica-se uma nítida recuperação comparativamente ao início da década de 90, onde o consumo per capita se situava em 3,3 kg, atingindo atualmente um valor próximo dos 7 kg per capita. Este aumento de consumo não será seguramente alheio à "redescoberta" do azeite como produto natural, saudável e com inúmeros benefícios para a saúde humana.